OEsquema

Arquivo: março de 2010


Foto sequência #2

George.

Comente

Downey Jr. quer diversão.

Muito bem acompanhado por Ben Stiller e Jack Black.

pegou a referência?

Comente

Downey Jr. quer amor.

To numa de ver todos os filmes do Downey Jr. (provavelmente não vou conseguir, mas tudo bem).

Na pesquisa dos títulos lembrei desse clipe que ele fez para a nossa tia favorita. Não lembrava mesmo disso aí. Memória curta.

Comente


Foto Sequência #1

via thainterwebs:

snakecharmer:

(via nickdrake)

Comente

Angelina Jolie + Alice Cooper

o Matias fica com as modelos, eu sigo aqui em Hollywood.

Comente

Jenny Sweeney + Rolling Stones

Jogada do Matias, que segue jogando muito bem.

Quero ver superar minha próxima jogada.

Comente

Axl.

                                    

Esse texto foi feito sem muita pretensão para a Revista Wave e acabou ficando bem fora do tom editorial de lá. Então acabou migrando para cá.  

Um pouquinho atrasado, mas agora esta aí para lembrarmos da beleza que foi semana passada com Axl Rose por aí, perto da sua casa.

———————————————————————————————

Foi na escola que recebi minhas primeiras influências musicais. Não teve disco do Bob Dylan do tio, vinil perdido na estante, nenhuma dessas histórias bonitas que muitos contam. Conheci minhas primeiras bandas favoritas por camisetas de amigos, CDs emprestados e rodas de violão – perigo puro. É ai que pode nascer um fã de Nirvana, Skid Row ou qualquer outra coisa. É preciso sorte.  

 Não adianta querer ser cool e caprichar no discurso. Em 2004 eu sabia o que era Strokes, mas vivia no mundo de Kurt Cobain, Axl Rose, Iron Maiden. Achava tudo igual. Guitarras, bateria, tudo muito alto e a mãe não gostava. Perfeito.

Axl Rose vestindo uma camisa de Jesus Cristo, dando altos berros, era o ideal de rebeldia. Aliás, sempre admirei a idéia de um cara de cueca, com camisetas muito mais largas do que deveria, tocando piano e lotando estádios. Quem paga ele? Só posso respeitar quem consegue conquistar tanto com esse trabalho.

Um dia descobri que Axl e Cobain não se davam bem. Tinha que escolher um lado da briga e escolhi Cobain. Passei a odiar Axl. Achava Patience brega (talvez ainda tenha razão), detestava a idéia uma música de 11 minutos e aquele tênis com o próprio nome era o pior. Também era fácil. Kurt era endeusado por quase todo mundo e Axl contribuía para ser odiado – ficou gordo, mentia de seis em seis meses sobre Chinese Democracy, fazia dreadlocks. Virou uma piada.

 Quantos erros com esse barigudinho.

A gente cresce, enfim ouve o Bob Dylan, entende os Beatles, vê filmes de verdade, descobre outras coisas e pensa no quanto era besta com seus gostos na adolescência. Pensa errado. Você e eu tínhamos problemas sim, mas a culpa não é de Axl. Ele já tinha todos os conselhos, mas quem ouviu?

 Axl, falava das dificuldades de ir para a grande cidade, dos perigos que existiam por , as dificuldades com as garotas, experiências com drogas, problemas com “médicos”, com a mãe, gente falsa. Sobre solidão e suicídio também deu umas dicas. Era um psicólogo.

No campo cultural ensinou a ouvir Paul McCartney e os clássicos do punk. Ensinou política, disse que a guerra não era legal. Indicou a locação de dvds do Poderoso Chefão e do Exterminador do Futuro. Era uma aula.

Por que chamar ele de idiota? Quem hoje ensina tudo o que você precisa saber na adolescência? Isso fará falta.

Tal qual um Caetano de chapinha ele gostava de fazer criticas no palco, ensinava a importância de ter opinião. Mandava indiretas para editores de revista que ferravam com ele, falava mal do casamento do Cobain. Não faz falta isso? Queria fugir desse comentário clichês, mas hoje todos se abraçam e se amam, quando Axl quebrava a cara de um fotografo folgado eu acreditava mais na humanidade. Podia estar errado, mas era sincero.

 Estava tudo ali e era uma questão do fã captar, se isso não aconteceu com todos o erro não é de Rose.

 Ele dava o recado, avisava: “Ninguém nos contou como seria, baby”. Ele também não sabia. Por isso talvez tenha acabo traindo a si mesmo, mas foi um cara esperto nessa vida – como na vez que foi preso, mas acabou ficando amigo dos policias distribuindo autógrafos. Errar, algo tão comum que devíamos aceitar melhor.

E não fique vermelho, nós sabemos que você já imitou a “dancinha da cobra” em algum momento da sua vida. Aceite. Todos serão perdoados um dia – talvez demore no seu caso, mas aí é com você.

Comente

fala Davi Mateus.

vi esse cartazes no link do último post. sei que a li vai gostar muito deles.

Comente

Filosofia POP.

Link: Filosofia POP.

Já dei um RT nesse post da Juliana Cunha, mas vou reforçar aqui por achei muito bom mesmo. Leia!

Comente

discografia completa da Legião.

Hoje Renato Russo faria 50 anos.

O Matias postou uma entrevista feita com o cara e comentou sobre o site novo da Legião que entre outras coisinhas tem a discografia oficial completa em streaming.

É minha trilha do dia. Indico que faça o mesmo. Basta clicar aqui.

Comente
Página 1 de 812345678