OEsquema

Arquivo: fevereiro de 2012

Shuffle

Bombay Bicycle Club está no meu hall de bandas que eu nunca escutei direito, mas curto muito uma música pelo menos.

Essa “Shuffle” é muito boa. Veja ela ao vivo.

Comente

Memoryhouse – The Kids Were Wrong

Clipe novo do Memoryhouse, uma banda legal que acaba de lançar um disco pela Sub Pop.

O álbum está disponível em streaming. Ouça:

Comente

My Ma

Clipe novo do Girls. Tão bonito quanto bizarro.

A direção é da ótima dupla Focus Creeps, que já trabalhou com o Girls algumas vezes. Lembra do clipe  NSFW  “Lust For a Life”?  Boobs, dicks, drugs and explosions.

Comente

Eu espero que você entenda

Ontem, justamente na hora em que faço os posts, o blog estava fora do ar. Isso explica minha breve ausência. Agora tamo de volta!

Last Shadow Puppets para abrir.

Comente

Conheça mais o Perfume Genius

Uma produção da Pitchfork.

Já escrevi sobre ele uma vez.

E tem aquela história do Google ter censurado um vídeo dele, que o Camilo contou.

Comente

Vc eh minha?

A semana abre com uma pergutinha do Arctic Monkeys.

A nova faixa estreou ontem na rádio norte-americana KROQ  e já ganhou este clipe que deve ter sido feito na pressa – o guitarrista Jamie Cook só aparece via televisão?

“R U Mine”, até o momento, não faz parte de nenhum single novo. Parece ser um esquenta para a turnê com o Black Keys que começa nesta semana nos Estados Unidos. Qualquer novidade sobre ela estamos atentos.

O importante é que a música é boa.

Passeio de carro, air drums e Arctic Monkeys. Me identifiquei.

2 Comentários

12/12/12 – Marcela Vale (Janeiro)

Chegou a hora da Marcela Vale, a Mahmundi, contar quem é, o que faz e o que pretende.

Em um resumo, quem é e o que faz Marcela Vale?

25 anos,Carioca, vascaína. Trabalho no Circo Voador como técnica de áudio e faço alguns freelas com cinema e tv ligados a som direto. Componho música para outras pessoas e produzo algumas coisas de amigos. Nas horas vagas estou ouvindo música, baixando coisas e buscando novidades pra colocar no Ipod. Sou gente boa, se você aparecer com um Twix, já ganhou meu coração.

2011 foi um ano especial? Se sim (ou não), por qual motivo?

2011 foi um ano incrível! De muitas coisas.  Ao mesmo tempo em que o trabalho no Circo estava frenético, fora dele também estava a mil. Nesse tempo conheci o Lucas de Paiva e a minha vida musical deu um giro que me impulsionou a acreditar mais no projeto Mahmundi. Foi um ano decisivo de assumir minha identidade sonora e abrir mais o leque de opções. Depois de tantas pesquisas,em novembro comecei a pré produção de fato. Sim, 2011 foi um ano especialíssimo, melhor que ele só o saudoso 2007.

Qual é o seu objetivo principal para 2012?

2012 vai ser o ano de colocar o som na rua; tô trabalhando pra que fique o melhor possível dentro daquilo que estou me propondo. Quero tocar por aí e me divertir também. Fora a isso quero continuar pulando corda, almoçar com a família no domingo e encontrar os amigos… também são bons objetivos!

Janeiro já passou, o que já aconteceu de marcante na sua vida este ano?

O mais marcante foi o show da Rita Lee e do The Rapture no Circo; dois show com pesos diferentes pra mim: Rita Lee tocando seus sucessos, me ensinando como ser no palco, e o Rapture com a valentia de uma banda old school, e a musicalidade viva mesmo em muito tempo de banda. Foram shows marcantes. E claro, a produção do EP, que andou tirando meu sono nesse verão!

————

Ouça o som da Mahmundi.

1 Comentário

12/12/12 – Ramon Moreira (Janeiro)

Dois dias sem atualizar o 12/12/12. Acerto isso postando duas entrevista hoje.
Conheça mais um participante desse nosso mini reality show.

Em um resumo, quem é e o que faz Ramon Moreira?

Por formação, tecnólogo em Informática, por influência de Jaú, meu pai, um apaixonado por música, por amor, um artista digital que vaga do quase extinto impresso, passando por fotografia e video, indo até o 3D.

2011 foi um ano especial? Se sim (ou não), por qual motivo?

Diria que foi um ano que começou promissor e terminou como prometeu. Consegui realizar vários episódios do Cotidiano, consegui estruturar minha produtorae realizar vários trabalhos interessantes, realizei alguns sonhos que sempre tive e conheci pessoas muito interessantes.

Qual é o seu objetivo principal para 2012?

Continuar a estruturação da produtora, conseguir tempo para incentivar, editar os episodio já gravados, e gravar outros mais do Cotidiano.

Janeiro já passou, o que já aconteceu de marcante na sua vida esse ano?

Consegui dar prosseguimento a Trilogia Carnaval, projeto fotográfico de registro do carnaval de rua carioca. Já fui sondado para realizar a cobertura de vídeo de um evento de grande porte. Já gravei alguns episodios do Cotidiano bem interessantes. Assim como 2011, 2012 está sendo um ano bem promissor.

Por último, tem alguma coisa que você considera praticamente impossível de realizar até o fim do ano, mas que você gostaria muito? O que é?

Consegui colocar pra frente um projeto de musica, arte e debates que tenho escrito.

1 Comentário

Repórter Bêbado

Olha quem está de volta.

Não conhece o Repórter Bêbado? Era um podcast do Ronald Rios e do Nigel Goodman. Ronald lia notícias e Nigel comentava elas bêbado. Foram apenas 10 edições entre 2008 e 2009. Dá para escutar todas no site do Nigel. Sente o que virá por aí.

1 Comentário

Can’t Have It All At Once

Uma das minhas músicas favorita de 2012 até o momento. E eu ainda não faço a menor ideia de quem é o Anthony Green, até agora só conheço sua música.

"Something started happening to the people I love
None of them have spoken to me since
The way they used to back when I was just a little boy
It's different"

Ouça:

—-

Mesmo sem sacar nada dele, achei o cara explicando qual é o significado dessa música – que também é uma das suas favoritas.

No vídeo abaixo ele explica o sentido do verso “it take times” (leva tempo), que era o título original da música, relacionando ele com nascimento do seu filho, seu casamento e outras diversas mudanças que acontecem na vida.

Realmente, as coisas levam um tempo para acontecer. Saber mais sobre o Anthony Green vai levar um tempo, por exemplo. Paciência, paciência.

1 Comentário
Página 1 de 6123456