OEsquema

Arquivo: Música

Traz um crowdfrango!

Com participação mais que especial do Felipe Rocha e  direção do David Pacheco, lançei hoje esse video na rede para financiar a finalização do novo disco. Minha  primeira campanha de crowdfunding.

Tomara que todo mundo dê muita risada. Em breve vai pintar uma música de brinde também.

vamo que vamo, som sempre!

 

4 Comentários

Dia de furar onda no mar – por Ava Rocha

Clipe Dia de Furar Onda no Mar_Lucas Santtana from ava on Vimeo.

Esse clipe nasceu por acaso. Fui comemorar o aniversário de 11 anos do meu filho com mais 5 amigos dele na praia do Arpoador.

Chegando lá encontrei Ava Rocha com seu marido e filha. Ava estava com umas lentes feitas para serem acopladas no Iphone. Ficamos conversando sobre isso enquanto olhavamos os meninos na água.

Duas semanas depois Ava me ligou e me disse que tinha feito um clipe de presente para mim e meu filho.

Fiquei feliz e agradecido num primeiro momento, e chocado após ver o clipe. Incrível o que já pode ser feito por uma pessoa talentosa com apenas um celular e algumas lentes.

Evoé!

Comente

Perdizes

Inpirado no livro homônimo do escritor pernambucano Raimundo Carrero, a música Perdizes foi feita originalmente para o filme ”Minha alma é irmã de Deus”. Assim me contou o Filipe por email ao me mandar esse clipe massa.

A produção é do grupo e a direção artística do DJ Patricktor4.

dá o play ai

Comente

Melissa Laveaux • Postman

conhece?

Comente

Buguinha Dub ampliando os horizontes….

2014  já começa com uma grata surpresa. Buguinha Dub, grande produtor musical e mestre na engenharia de som (foi ele quem produziu o 3 sessions in a greenhouse comigo, e também mixou o O deus que devasta mas também cura, além de algumas faixas do Sem Nostalgia), comprou uma dessas câmeras digitais há um tempo atrás.

Olha só o nível do clipe que o cara já está fazendo, du caralho!

Comente

2013, que ano!

horario de trabalho

2013 foi o ano que mais trabalhei na vida, foi tanto trampo, projetos diferentes, viagens e um pouco de vida pessoal, que eu quase não passei pelo Diginois. Aproveito para pedir desculpas, mas vejo e sinto a internet como algo cíclico, e por isso sei que 2014 pode ser um ano de grande atividade aqui ou não. Sendo assim veio em boa hora poder dividir com vocês algumas boas experiências que tive vontade de escrever aqui e acabou não rolando devido ao rolo compressor offline.

A lista vai pela ordem do que eu for lembrando………

13- Gravidade – o roteiro não é lá quase nada, mas sem dúvida alguma Gravidade é o melhor filme “no espaço” depois de 2001. Um dos poucos filmes atuais que justificam o uso do 3D e demais recursos tecnológicos. Foi uma senhora experiência na sala escura.

12- Blue Jasmine – coincidência ou não, esse é outro filme cujo roteiro não tem nada demais. Mas mesmo com uma estória simples Woody Alen fez um filmaço. Muito disso graças a colossal interpretação de Cate Blanchett. A melhor atriz viva do cinema. Já acompanho o trabalho dela faz um tempão e ela sempre surpreende. É uma tremenda gata e nunca apelou para nudismos ou algo do gênero e sempre manteve sua vida privada longe dos holofotes.

Film Cate Blanchett

11- Manifestações populares – não foi só no Brasil, Russia e Istambul. Ver a insatisfação das pessoas frente a uma democracia representativa falida e viciada foi um dos grandes acontecimentos do século 21 até agora.  O geógrafo Milton Santos já cantava essa bola há 20 anos atrás.

Protesto_no_Congresso_Nacional_do_Brasil,_17_de_junho_de_2013

10- FIFA fail – A FIFA não encontrou  momento pior para fazer a Copa das Confederações e expor, justamente no país do futebol, a sua maneira mafiosa de gerir seus negócios escusos. A única empresa no mundo que lucra bilhões em um país sem deixar sequer 1 centavo de imposto. Caso de polícia. Cadê o Joaquim Barbosa numa hora dessas???

FIFABLATTER

9- Seleção Brasileira de Futebol – Apesar da podridão extra campo, ver a nossa seleção evoluir de maneira tão rápida foi algo inesperado. Méritos de Felipão, que realmente domina a arte de fomentar e focar um grupo. Para quem como eu, enxerga uma Copa do Mundo como algo muito além do esporte, ver a seleção em grande forma e evocando os ídolos do passado foi foda. 3×0 na tal da Espanha no Maraca.

8- O Duelo – fazia tempo que eu não compunha para teatro e a experiência com a Companhia Mundana foi muito desafiadora. Mas valeu a pena. O espetáculo ficou lindo e rodou o Brasil. De quebra fui indicado para o Prêmio Shell de Teatro como melhor trilha sonora. Merda!

duelo400novo

7- Disco novo – a melhor parte  de um disco novo é o processo de gravação. Onde tudo ainda está em aberto e se pode experimentar a vontade, ouvindo e fazendo som com os amigos num ambiente perfeito de temperatura e pressão. Ouvir música em estúdio é melhor do que em qualquer outro lugar. E as sessions do disco novo tem sido classe A. Ano que vem tem bolacha na praça.

IMG_5150

6- Turnê Europa – Esse ano fiz a maior turnê na Europa. Foram ao todo 22 shows em 22 cidades. 8 países. Ao todo já são 4 turnês em 2 anos e uma história que vai se consolidando cada vez mais. Muito bom poder tocar para outro tipo de público, outro tipo de escuta, nem melhor nem pior, apenas diferente. Isso educa muito quem sobe no palco para tocar também.

IMG_4573

Show em Londres(sold out) onde muita coisa se definiu  para frente.

5- Ano dos projetos – Esse ano pude fazer vários projetos diferentes do meu trampo, e isso é sempre enriquecedor porque você pode tocar com bandas diferentes e tocar repertório diferentes, flertar com outros estilos musicais, outros compositores, etc.

Além do GIL 70 com o Bixiga 70,  rolou o Lucas toca Raul (levando rauzito pra fumar um beque na jamaica), o Dub 40 anos (foi uma honra tocar ao lado de Bi Ribeiro, grande herói da minha adolescência. E também com Jorge du Peixe, para mim um dos maiores letristas vivos hoje no Brasil), o Pequenos Contemporâneos (onde levei o trem da alegria para tomar um MDMA numa pista de dança), o show com Mautner e Macalé (duas figuras ímpares e imprevisíveis da música brasileira), o Na Mira da Música (onde fiz uma residência de 10 dias em São Paulo, criando com mais 7 músicos um show do nada) e por fim o Lucas Solo ( que começou como um show de voz e violão e acabou com voz, guitarra e pedaleira. foram poucos mas foram intensos). Só faltou mesmo por em prática o meu show solo experimental. Quem sabe ano que vem eu consigo.

IMG_4981

4- Julio Le Parc na Casa Daros – A melhor exposição que vi esse ano e quiça uma das melhores da minha vida. Eu já tinha uma conexão muito forte com arte cinética, nos trabalhos de Paltnik, Jesus Soto, Vassalery, dentre outros. Mas esses trabalhos do Le Parc, todos eles de 1966 me inspiraram profundamente. Enxergo tudo ali. Os irmãos Lumirere, George Melie, Kraftwerk, Design escandinavo, ficção ciêntifica, efeitos especiais no cinema, poesia concreta. Para mim a arte cinética é o epicentro do século 20.

dsc0187_0

3- App de taxi – os aplicativos de taxi foram uma grande surpresa. Assimilada tão rapidamente que nem nos damos conta que até alguns meses atrás não existia. Eliminando papelada e burocracia, foi uma grande exemplo de boa idéia juntando tecnologia, mobilidade e praticidade.

url

2- Política participativa  - esse ano participei ativamente de petições públicas. O trabalho online e offline de grupos como o Avaaz e o Greenpeace foram muito importantes em momentos chaves da nossa vida política, revertendo participação online em pressão offline.

Activistas-de-Avaaz

1- Breaking bad – por incrível que pareça eu só comecei a ver esse ano, após o termino da série. Vi todas as temporadas num período de um mês. fiquei viciadão, nem preciso dizer porque né?

breaking_bad_5.08__span

Comente

Revista Galileu – Unesp

E para minha grata surpresa, soube que a matéria que o Ronaldo Evangelista fez para a Revista Galileu foi um dos quesitos da prova da Unesp de 2013. Parabéns Matias e Ronaldo! Som Sempre!

Lucas Santtana na Prova da Unesp 2013

Lucas Santtana na Unesp 2013

Comente

Agora é oficial: Lucas Santtana no Lollapalooza Br 2014

Saiu a programação oficial do Lollapalooza Brasil 2014 e estarei lá também…..som sempre!

Comente

A.MA.$$A

amassa

 

Ontem, depois do show em Salvador, Junix 11 me deu o toque dessa rapaziada.

Hoje ele me mandou esse link.  Escuta só o que essa garotada está fazendo em Salvador ;)

quer uma palhinha?

 

 

Comente

Dub 40 via youtube

Alguém com codinome saopaulopacaembu está upando o show do projeto Dub 40, que tive a felicidade de fazer ao lado de Bi Ribeiro, Céu, Jorge Du Peixe, Anelis Assumpção, Guizado, Bruno Buarque, Thiago França, David Cole e Marcelo Dworeki.

Claro que o som não está dos melhores pois foi captado por celular, mas como demos o mole de não gravar, é o único registro existente. tem quase o show todo lá

Obrigado saopaulopacaembu, seja quem você for.

som sempre! dubwise!

Comente
Página 1 de 18123456789...Última »